domingo, 31 de janeiro de 2010

Fichas de avaliação

Fichas de avaliação


Matemática- Quarta-feira, dia 3 de Fevereiro

Língua Portuguesa- Sexta-feira, dia 5 de Fevereiro

Estudo do Meio- Segunda-feira, dia 8 de Fevereiro

------------------------------------------------------------------------------------------------

Para estudar:

Relacionar a unidade, a dezena e a centena

Descobrir sequências de números

Saber e aplicar tabuadas do 2, 3, 4, 5 e 10

Decompor os números por ordens (Ex: 123 = 100+20+3 ou 1 centena, 2 dezenas e 3 unidades)

Saber e aplicar a regra para multiplicar por 0, 1 ou 10

Utilizar a simbologia de <, > ou =

Ordenar por crescente e decrescente

Contas de somar e subtrair

Situações problemáticas

domingo, 24 de janeiro de 2010

Música dos sinais

A semana passada, enquanto líamos um texto relativo aos sinais de trânsito, o Gonçalo pediu se podia cantar, pois só lhe estava a vir à cabeça o texto em forma de canção. O resultado foi tão bom que lhe prometi que no dia seguinte iria trazer a máquina para o filmar.
Vejam lá se não ficou o máximo!

video

quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

Sinais de trânsito

Sinais de Trânsito verticais




  • Sabias que existem diversos tipos de sinais de trânsito verticais?
    Claro que sim, mas provavelmente não sabes que só o seu formato (triângulo, círculo ou quadrado) e a sua cor (azul, vermelho ou branco) já nos dão muitas informações.

  • Vê aqui uma lista de cores e formas dos sinais de trânsito verticais:

    - Os sinais de obrigaçãosão redondos e de fundo azul. Se tiverem um traço a vermelho a atravessá-los, isso indica que terminou a obrigação.

    - Os sinais de proibição são redondos, com orla vermelha.

    - Os sinais de perigo são triangulares, com orla vermelha.

    - Para cedência de passagem utilizam-se sinais com formas diferentes das habituais. Assim reconhecem-se imediatamente. O «stop» é um octógono e o de dar prioridade a outros veículos é um triângulo ao contrário.

    - Os sinais de informação são quadrados ou rectangulares de fundo azul.

    - Os sinais de perigo, obrigação e proibição, mas de carácter temporário, são de fundo amarelo.


  • Vê agora alguns dos sinais mais importantes que tens que saber quando andas a pé ou de bicicleta:








Material (adaptado) gentilmente cedido pela PRP (Prevenção Rodoviária Portuguesa)



terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Tabuada

Um sítio interessante para os super heróis treinarem a tabuada do 1, 2, 3, 4, 5 e do 10:

http://www.idph.net/software/tabuada/



sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

Histórias super heroicas V




A Mulher-Gata

Era uma vez um gato que me arranhou. Depois descobri o meu nome de super herói. Era super gata!

- Sou uma super heroína!

Descobri os meus super poderes. Conseguia saltar pelas paredes e o meu fato tinha umas orelhas de gata e uma unhas afiadas.

Os meus inimigos eram a Gata Preta e a Gata Branca.

Vi a Gata Preta a assaltar uma casa e saltei pela janela. Lutei com ela e venci-a. Ela quis ser minha parceira e juntas transformámo-nos numa equipa de força. Até a Gata Branca concordou em juntar-se a nós.


Margarida Rodrigues


Histórias super heroicas IV



A Mulher-borboleta

Eu fui picada por uma borboleta quando estava no campo. Fiquei com asas coloridas e largas, roupas compridas e a falar com outras borboletas.
Eu ia pelo ar, via todo o campo e toda a cidade. Eu voei, voei até ver a minha casa. Quando finalmente a encontrei, entrei, mas ninguém estava em casa.
- Onde é que eles estão?
Fui ao banco e tinham havido nove assaltos. Vi os ladrões e tive de lutar contra eles. Deitei água pelos olhos e fogo pelas mãos. Depois da luta fui para casa.
- Estou muito cansada…
No sótão vi a minha família presa. Soltei-a.

Histórias super heroicas III


O Homem-escaravelho


Uma vez eu estava a comer sopa quando, à minha frente, estava um escaravelho. O escaravelho picou-me e eu senti uma forte dor no meu corpo, que já estava a mudar. Não sentia o mesmo.

Outro dia, cinco ladrões assaltaram um banco. Eu deixei aquilo para a polícia, mas um desses ladrões matou o meu tio. Aí percebi que devia ajudar a polícia.

A seguir apareceu o Homem Areia. Eu lutei contra ele e dei cabo dele. Percebi que era forte, mas derrotei-o e a todos os maus, mas alguns amigos morreram, até o meu melhor amigo.

Gonçalo

quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

Adivinhas III

De calção e camisola,
mesmo se está a chover
lá vai ele atrás da bola
a chutar e a correr.

Se às vezes quer um empate
acredito que não goste
quando lhe falta o remate
e a bola bate no poste.

já o azar é mais grave
se ela lhe escapa e desliza
e vai, sem ninguém que a trave,
golar na própria baliza!


-------------------------------------------------

Dizem que há um em Sevilha
mas há mais em todo o lado
que são uma maravilha
no corte e no penteado

Fazem do pente e da tesoura
aliados de respeito
e se a barba é pretas ou loura
cortam-na do mesmo jeito.

talvez por isso uma vez
um macaco envergonhado
foi na cadeira freguês
que veio de rabo cortado.

SOL !!!!!

Hoje houve sol!!! Pudemos brincar lá fora!!

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Histórias super heroicas II


O Homem lobo

Um dia fui passear pela rua sozinho. De repente, vi um lobo que me deu uma dentada no braço direito.

Estava a ir para casa, e vi que me estava a transformar no Homem lobo. Fui para a minha casa para dormir.

E no seguinte, fui ver o jornal da uma e reparei que estava na televisão com os super poderes de um lobo. Os super poderes, de ultra-mordidela, o super-mega pontapé.

Fui à rua, encontrei um ladrão a assaltar uma loja, cheguei ao pé dele e dei-lhe o super pontapé no cu.

Andei mais vinte passos para a frente e encontrei mais cinco ladrões. O primeiro levou com a ultra mordidela, ao segundo um super pontapé, ao terceiro a ultra mordidela, ao quarto levou com o super pontapé e o quinto levou com a ultra mordidela.

Andei mais quarenta e cinco passos e encontrei mais cinco vilões. Dei um murro no primeiro, dois murros no segundo, no terceiro dei o super pontapé, no quarto dei quatro murros, e no quinto dei a ultra mordidela.


Diogo


Histórias super heroicas


A Mulher Gata


Era uma vez uma mulher chamada Inês Torres Galrito, que andava a passear no parque da cidade. Depois, uma senhora tinha uma gata sentada num banco e eu disse:

- Mas que gata tão bonita, como é que se chama?

- A gata chama-se Sofia Banina , gostas do nome?

- Claro que sim. Posso lhe fazer uma festinha?

-Sim podes.

-Então vamos lá.

- Au! Arranhaste-me! Estou a sentir qualquer coisa dentro de mim, acho que vou para casa descansar um pouco.

No dia seguinte… acordei e tinha-me transformado em gata. E disse:

- Acho que foi do arranhão da gata daquela senhora.

Depois levantei-me e tinha poderes: Arranhar, miar, andar nos sítios altos e combater com os vilões.

Outro dia um ladrão roubou um banco e eu estava no telhado, vi o ladrão e fui apanhá-lo. Fui para cima do telhado, saltei e apanhei-o e miei muito alto e o ladrão desmaiou.

Missão comprida!!!!!!


Inês Galrito

terça-feira, 12 de janeiro de 2010

adivinhas II

Mais adivinhas das profissões.

NOS DOCES E NOS ASSADOS,

NAS SOPAS E EMPADÕES

PÕE REQUINTES ESMERADOS

PARA PRAZER DOS COMILÕES.

SENHOR DA COLHER DE PAU,

DO FOGÃO E DA PANELA,

É MESTRE NO COLORAU,

NA PIMENTA OU NA CANELA.

PARA QUALQUER COZINHADO

TEM QUE TER À MÃO O SAL

E ALÉM DESTE CUIDADO

NÃO DISPENSA O AVENTAL.


Quem é?


----------------------------------------------


SEJA CARTAS DE JOGAR

OVOS, CIGARROS OU FLORES,

DE TUDO O QUE APRESENTAR

NÃO ESQUECE OS LENÇOS DE CORES.

SÃO TANTOS E VARIADOS

OS TRUQUES DE QUE É CAPAZ,

QUE NOS DEIXA ADMIRADOS

COM AS MAGIAS QUE FAZ.

SE DENTRO DE UM CHAPÉU VELHO

METER A MÃO, PODEM CRER

TIRA DE LÁ UM COELHO

OU AS POMBAS QUE ENTENDER.


Quem é?


------------------------------------------


FAZ NASCER QUEM LHE APETECE,

SEJA AQUI OU NO JAPÃO,

E, SE QUER, LOGO ACONTECE

SER INVERNO QUANDO É VERÃO.

FAZ VIAGENS SEM PARTIR,

REGRESSA SEM TER VOLTADO

TEM SEMPRE, ATÉ DORMIR,

PAPEL E LÁPIS AO LADO.

COM TRISTEZA OU ALEGRIA

ESCREVE O QUE SENTE E O QUE VÊ.

QUER EM PROSA OU POESIA,

ESTÁ NO LIVRO DE QUEM LÊ!


Quem é?



segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

Adivinhas

Ainda relativamente as profissões, deixo aqui algumas adivinhas para ver quem descobre do que se trata.

USA TINTAS COLORIDAS

VERDES, AZUIS, AMARELAS

E MESMO REPETIDAS

NÃO DISPENSA QUALQUER DELAS.

PINTA GRANDES MALMEQUERES,

PINTA O MAR, PINTA PAÍSES.

PINTA TUDO O QUE QUISERES,

E ATÉ O QUE NÃO LHE DIZES.

DE PINCEL E DE PALETA

E OLHAR ATENTO E PROFUNDO

GASTA MUITA TINTA PRETA

QUANDO QUER PINTAR O MUNDO.


Quem é?

-------------------------------------------



FLORES GRANDES OU FLORES PEQUENAS,

VERMELHAS OU AMARELAS,

DESDE O CRAVO ÀS AÇUCENAS,

CONHECE BEM TODAS ELAS.

EM JANEIRO, EI-LO A PODAR

SEBES, ARBUSTOS, ROSEIRAS,

PARA EM SEGUIDA CUIDAR

DA RELVA E DAS TREPADEIRAS.

REBENTOS, BOLBOS, SEMENTES,

ENXERTA, REGA, SEMEIA.

DAS SUAS MÃOS EXPERIENTES

PÕE DE FLORES A JARRA CHEIA.


Quem é?

-------------------------------------------



ENQUANTO DÁ O DITADO

APONTA UM SUBSTANTIVO

FRISANDO QUE ACOMPANHADO

ESTÁ DO SEU ADJECTIVO.

A SEGUIR PEGA NO GIZ,

PARA CORRIGIR A FRACÇÃO

QUE NO QUADRO UM PETIZ

NELE ERROU, POR DISTRACÇÃO.

RESOLVIDO O PROBLEMA

ABRE O LIVRO DE LEITURA

E PARA LIÇÃO, ESCOLHE O TEMA:

“DEDICAÇÃO E TERNURA”!


Quem é?

domingo, 10 de janeiro de 2010

Profissões

Os nossos heróis, depois de saberem o que era uma entrevista e como se fazia, meteram pernas ao caminho e andaram a entrevistar várias profissionais do nosso Externato. Desde a directora à senhora da cozinha, todas forma abordadas pelos nossos mini-repórteres. Em pouco tempo tínhamos muito material para ser analisado.
No fim, foi lido por cada grupo o resultado final e discutidas as várias facetas de cada profissão. Depois de algum diálogo, todos concordaram que todas as profissões são indispensáveis para o funcionamento da Sociedade.


quinta-feira, 7 de janeiro de 2010


Esta semana foi tempo de super-heróis.
Começámos com por descobrir o que é uma entrevista, e melhor do que falar foi praticar. Decidimo-nos pelo Homem-aranha.
Construímos colectivamente um rol de perguntas que lhe gostaríamos de fazer. Depois rumámos à Internet para solucionar as nossas questões. Infelizmente a sorte não estava do nosso lado. Havia um problema com a rede e voltámos para trás desanimados.
Alguém recordou que os Magalhães têm a Diciopédia ...e salvou-nos o dia. Respondeu-nos a todas as perguntas, com uma ajudinha da Leonor (que não gosta do Homem-aranha, o mano é que gosta!!) que sabia tudo acerca do assunto!

Hoje resolvemos inventar uma história onde ele próprios fossem os protagonistas.
Por acidente, foram atacados po
r um qualquer animal com mutações genéticas, que lhes transportou todas as suas características e lhe deu super poderes.
Houve animais para todos os gostos e feitios com resultados muito engraçados. Depois deram um nome à sua personagem heróica e desenharam o seu corpo geneticamente alterado.
Quando todos as transformações estiverem concluídas irei postá-las aqui e revelar a verdadeira identidade de cada um dos nossos 23 super-heróis.

Mais tarde, e para os deixar com água na boca,
lí metade de um livro muito giro chamado "A noite dos animais inventados" de David Machado, que nos conta as aventuras de quatro irmãos que inventam inúmeros animais para lhes fazerem companhia pela noite e manterem afastados os medos. Choraram por mais, mas fica o resto para amanhã.